As dificuldades em cantar melas manhãs

Sendo professor de canto e preparador vocal em uma grande instituição como é o Conservatório Dramático e Musical de Tatuí, tenho a oportunidade de observar o comportamento vocal de inúmeros artistas (estudantes de canto e música) em situações variadas. O fato desses artistas residirem em uma cidade movida pela arte em busca de uma formação; a necessidade de determinação que esses cantores precisam de forma a fugir da procrastinação e realmente cumprirem suas tarefas. A metodologia utilizada que deve fluir progressivamente e trazer resultados rápidos; a forma com que esses artistas se preparam física, mental e emocionalmente em relação à arte e ao mercado de trabalho, entre outros. Tudo isso reflete na voz: a distância da família, a responsabilidade, preocupações e compromissos. Na minha especialidade de ensino, a voz é um elemento catalizador da expressividade artística. Dessa forma, precisei entender o comportamento vocal e as estruturas da voz de forma a resolver uma questão importante que é: como o cantor deve se organiza ao cantar às 8:00 ou 9:00? Não seria muito cedo para a sua voz? Apenas a técnica vocal poderia resolver? Sempre realizei muitos ensaios de coral e aulas de canto no período da manhã, me deparando a todo momento com a insatisfação e relutância desses artistas, cantores e músicos em marcar aulas e compromissos nesse período. E é realmente nítida a instabilidade vocal nesse momento. Mesmo com o apoio da técnica vocal, a voz parece não se aprontar nunca... não aquece, impossibilita cantar no registro agudo porque aparenta rigidez, dificuldades de afinação e não traz beleza. Compreenda: nós temos duas predominâncias musculares na atividade vocal da. A primeira correspondentes ao TA, que é o próprio músculo vocal, um músculo tensor, que aduz e que também encurta as pregas vocais levando a sonoridade da voz aos graves e, a segunda, corresponde ao CT, que é o principal músculo na ação de alongar as pregas vocais e levar a sonoridade da voz aos agudos. O que é acontece é o seguinte: pela manhã a voz de todas as pessoas é mais grave. Isso ocorre porque passamos a noite inteira relaxando, dormindo, descontraindo, o que promove maior encurtamento e volume de massa muscular. Percebe sempre acordamos um pouco inchados? É necessário um tempo, a partir do momento em que acordamos... o corpo também precisa acordar e aos poucos ter o tônus aumentado. Durante este tempo, normalmente estamos fazendo alguma coisa, se mexendo e até mesmo, falando, exigindo da voz. É comum a realização de exercícios específicos acelerando o preparo da voz. Isso é muito importante como prevenção da saúde vocal de artistas e profissionais da voz, impedindo a movimentação brusca das pregas vocais por ainda não estarem preparadas quando precisar exercer uma atividade mais intensa. É importante que, ao acordar, se tenha com clareza nas sensações corporais. Pode acontecer de estar até cansado por não ter dormido bem ou por ter dormido pouco em relação ao tempo que normalmente precisa dormir e se sentir descansado. Pode haver algum desconforto decorrente de refluxo, rinite, gripe, resfriado, etc e nesse caso a vibração das pregas vocais não estará livre, fluída, podendo contar ainda com alguma aspereza, rouquidão, entre outros. Conceito importante: o TA, principal músculo vocal, é ligado ao registro denso da voz e portanto traz uma vibração “pesada”. O músculo CT, predominante no registro tênue da voz, traz uma emissão suave, com mais possibilidades de alongamento e flexibilidade à voz.Ora, se eu inicio minha fala ou o meu canto conduzindo minha voz por meio dessa musculatura mais suave e flexível, obviamente terei um melhor resultado. Por outro lado o cantor não pode contar, apenas, com a sonoridade suave da voz. Neste caso, faz-se necessário conhecer e estabelecer a emissão da voz direcionada à faringe, propõe o método Belting Contemporâneo do Maestro Marconi Araújo. Ao fortalecer essa região da faringe, é possível promover apoio, sustentação e projeção à voz. Captou? É possível, sim, você ter uma voz incrível pela manhã, conduzida por uma utilização extremamente saudável, trazendo o resultado sonoro que você precisa. Tenho essa comprovação dia a dia, com as centenas de alunos que passam por mim no Conservatório Dramático e Musical de Tatuí/SP.. Se você é um profissional da voz jamais poderá se encontrar na situação de “refém” da sua própria voz. Você precisa que sua voz esteja boa e, portanto, deve conhecer procedimentos que te leve a “contornar” qualquer situação desfavorável. Entenda: seu público nunca estará interessado em saber se você está ou não está bem. Ele quer a sua arte e de preferência, com boa qualidade.

4 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
  • Instagram Edmo Guimarães
  • Facebook Edmo Guimarães
  • YouTube Edmo Guimarães
  • LinkedIn Edmo Guimarães

©2020 Studio Edmo Guimarães - Criado por Nenis Media nenismedia.com.br